Afinal, o Horário de Verão compensa?

Lendo à luz de velasQuem já leu duas ou três notícias sobre o horário de verão deve ter notado que as informações são resumidas, incompletas, confusas e freqüentemente contraditórias. Uma pesquisa no Google pode mostrar isso. Resolvi então fazer o trabalho que jornalistas preguiçosos não fizeram e fui até o site do ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico) estudar por conta própria os relatórios de análise dos resultados do horário de verão (que, aliás, não são muito claros) para responder eu mesmo minhas perguntas.

P: Quem foi o fdp que inventou o horário de verão?

Os estadunidenses afirmam que foi Benjamin Franklin, em 1784, mas sabe como é, segundo eles mesmos tudo foi inventado por eles. Quem quiser saber mais sobre o funcionamento e a história do horário de verão pode ler a página da Zênite; aqui neste artigo procurei analisar o horário de verão apenas sob o aspecto econômico.
O horário de verão foi adotado esporadicamente até a década de 60, ficando então esquecido até 1985 quando foi re-editado pelo ex-presidente Sarney [1]. Desde então o horário de verão tem sido adotado todos os anos por todos os presidentes.

P: Quantas pessoas são afetadas pelo horário de verão?

O horário de verão atinge as regiões Sudeste, Centro-Oeste e Sul, ou seja, os estados de RS, SC, PR, SP, RJ, ES, MG, GO, MT e MS mais o Distrito Federal, afetando cerca de 115 milhões de pessoas durante 4 meses (foram 126 dias neste último HV de 2007/2008).

P: Algumas reportagens afirmam que a economia com o horário de verão foi de R$ 10 milhões, outras de R$ 40 milhões e algumas até falam em US$ 1 bilhão!
Afinal, qual a economia obtida com o horário de verão?

Este ano a economia foi de R$ 10 milhões. O valor esperado era R$ 40 milhões, porém algumas usinas termoelétricas extras tiveram de ser ligadas por conta do baixo nível dos reservatórios das hidroelétricas, diminuindo assim a economia.
Detalhe: essa economia de R$ 10 milhões é uma economia obtida com geração térmica. Isso significa que essa minúscula economia só se obtem porque são usadas usinas térmicas que custam mais que hidroelétricas (custa mais caro produzir energia a partir de usinas térmicas do que de hidroelétricas).

P: Isso significa que se tivéssemos somente usinas hidroelétricas a economia seria tão pequena que não compensaria?

Exatamente. Por ser uma energia barata. Se tivéssemos usinas em número suficiente, produzindo mais energia do que gastamos, o horário de verão não seria necessário.
Outra alternativa seria descobrir um meio de produzir energia a partir das bobagens que o Lula fala, assim teríamos uma fonte quase inesgotável de energia barata [2].

P: Por que o governo não constrói mais hidroelétricas?

Porque está ocupado demais gastando nosso dinheiro com outras coisas como mensalões, programas assistencialistas eleitoreiros, cartões de crédito corporativos, obras inúteis superfaturadas, salários absurdos para parlamentares, etc.
Além disso o Ibama e outros órgãos controlados por fundamentalistas têm feito de tudo para dificultar a concessão de licenças para a construção de novas usinas.

P: De onde tiraram aquele valor de US$ 1 bilhão (atenção: dólares, não reais) citado em algumas reportagens?

Alguns jornais informaram que a economia com o horário de verão teria sido de US$ 1 bilhão, porém a informação correta é que os 2.027 MW, economizados com o horário de verão, equivalem à produção de duas térmicas a gás natural. Portanto, o governo teria economizado US$ 1 bilhão por não ter precisado construir as referidas térmicas. Na prática, a economia foi de R$ 10 milhões. É o mesmo que pegar um táxi e afirmar orgulhoso que, com isso, economizou R$ 10 mil (por não ter comprado um carro).

P: A economia em termos percentuais citados nas reportagens também varia muito. Umas falam em 0,5% outras em 4% ou 5%. O que acontece?

No fim do dia a maioria das pessoas sai do trabalho, chega em casa, acende as luzes, vai tomar banho, prepara a janta e fica assistindo TV até ir dormir para mais um dia. Esse período das 19:00 às 22:00 é o horário de pico de consumo.

demanda de energia com/sem HV 2006-2007Observando os gráficos do ONS vemos que o consumo de energia ao longo do dia durante o horário de verão é praticamente igual ao consumo se não houvesse horário de verão, uma economia média de desprezíveis 0,5% aproximadamente.
No horário de pico, somente, a economia atinge pífios 4% ou 5% em média.
(O gráfico ao lado mostra a demanda de energia no sudeste com/sem HV no período 2006-2007 – foi extraído da análise do HV2006-2007 no site do ONS)

P: Se essa economia de R$ 10 milhões fosse dividida pelas 115 milhões pessoas afetadas, daria R$ 0,09 para cada um. Será que se todos nós déssemos 9 centavos ao governo seríamos poupados dessa encheção de saco?

Infelizmente não.
Porque não é pela economia, mas porque o sistema não tem a energia necessária para nos fornecer no horário de pico.

P: Que tal uma analogia prá ficar mais claro?

Imagine uma família composta de pai, mãe, 8 filhos e um fusca. Não dá para levar todos os filhos para a escola de manhã. Então o pai matricula quatro filhos de manhã e quatro à tarde. Assim os filhos se revezam no uso do carro. E o pai declara, orgulhoso, que assim fez uma economia de R$ 50 mil (pois não teve de comprar um carro maior).

P: Isso quer dizer que provavelmente a minúscula economia não compensaria o transtorno?

O transtorno a 115 milhões de pessoas e eventuais danos à sua saúde não entram na contabilidade do governo por motivos óbvios.
Não encontrei, até o momento, pesquisa sobre os danos causados pelo horário de verão. Mas, na minha opinião, não compensa.

P: Qual a economia em termos de energia?

Cerca de 2000 megawatts, o suficiente para abastecer 2 milhões de casas ou uma cidade como o Rio de Janeiro.

P: Essa economia compensa?

Para que a resposta fique clara vamos usar uma analogia.
Vamos imaginar um casal morando numa casa. Cada um deles consegue tomar banho com 5 litros de água. Imaginemos também que para lavar as roupas da semana tambem se utilizem 5 litros de água. E imaginemos ainda que também se gastem 5 litros para cozinhar e lavar a louça a cada dia. Tudo isso para não termos de fazer cálculos.
Nesse cenário, como seria a vida do casal se recebessem apenas 5 litros de água por dia?
Uma possível solução seria a seguinte:
Segunda: o marido toma banho, a esposa não. Não lavam roupa, nem comem.
Terça: a esposa toma banho, o marido não. Não lavam roupa, nem comem.
Quarta: lavam a roupa da semana. Não tomam banho, nem comem.
Quinta, sexta, sábado e domingo: Comem mas não tomam banho nem laval roupa.
Pergunta-se: Qual é a economia de água que fazem com esse rodízio?
Resposta: Nenhuma! NADA! Não há qualquer economia porque todos os 5 litros de água disponíveis são plenamente utilizados todo dia.
Com a energia acontece o mesmo. Os estados que adotam o horário de verão são como um dos cônjuges; os estados que não o adotam são o outro cônjuge. A energia economizada por um dos “cônjuges” será gasta uma hora depois pelo outro “cônjuge”. É apenas um revezamento.
Agora podemos perguntar: o que acontecerá ao nosso hipotético casal quando tiverem um filho?

P: Existe alguem que gosta do horário de verão?

É como quiabo, sempre tem quem goste.
Dizem que alguns cariocas gostam pois podem ficar uma hora a mais na praia. Se isso é verdade então essa hora extra de sol na cabeça deve ter feito mal.

Conclusões

1) O horário de verão é apenas um paliativo, um quebra-galho sem-vergonha, típico de governos incompetentes que não fazem o que deveriam: construir usinas que supram toda a demanda nacional, e com folga. E mesmo isso não passa de “enxugar gelo”; governos corajosos já começariam a falar em controle populacional. Mas agora já estou falando palavrão…

2) Eu odeio horário de verão!


Notas

[1] Dizem que o menino Sarney nasceu sem cabeça. Sua mãe então pegou um coco, desenhou um bigode, colou-o sobre o pescoço do moleque, e o resto a gente já sabe. Não que isso tenha algo a ver com o horário de verão… bem… enfim…

[2] – Exemplos:
O presidente Lula disse que o Governo Federal vai enviar ao Congresso um projeto de aposentadoria para todo jogador campeão mundial pela seleção que esteja passando por dificuldade financeira.” [26/06/2008]
Eu calculo que se essa tolice fosse inteiramente convertida em energia, poderia suprir uma cidade como S.Paulo por uns dez anos!


Links úteis

ONS – Operador Nacional do Sistema Elétrico
Download da avaliação do HV 2007/2008
Relatórios Análise carga/demanda

How Stuff Works

Seade – Sistema de Informações dos Municípios Paulistas

Zênite – Astronomia

Cemig

Ambiente Brasil

Horário de Verão (Wikipedia)

Abaixo-assinado Fim ao Horário de Verão Brasileiro

Pesquisa Google



Notícias

Agencia Brasil
Globo
Estadão
Terra
Diário Catarinense
Último Segundo



Artigos Relacionados

Horário de Verão (USP)

Quem escreve o que quer… ou aqui

Ação popular contra horário de verão





ENQUETE









Qualquer eventual anúncio publicitário que apareça nesta página terá sido colocado pelo WordPress e não por mim. Eu não indico ou recomendo qualquer produto, serviço ou site pago.





18 respostas para Afinal, o Horário de Verão compensa?

  1. Leninha disse:

    Eu proponho horário distribuído para os trabalhadores da indústria e comércio. Os trabalhadores devem trabalhar de 6 a 8 horas por dia. Imaginem o seguinte: quem gosta de acordar cedo, vai para o trabalho mais cedo e vai embora mais cedo, quem gosta de acordar tarde, vai para o trabalho mais tarde e vai embora mais tarde. Assim não teríamos pico no consumo e muita gente ficaria feliz. Gosto de acordar cedo, por isso o horário de verão faz bem para o meu organismo. Quanto mais fresquinho estiver para eu ir trabalhar e quanto mais eu puder aproveitar o sol da tarde, melhor me sinto! Na empresa onde trabalho, posso chegar 07:30 e sair 17:30 tendo duas horas de almoço. Chego em casa ainda da tempo de cuidar do jardim com a luz natural do sol, sendo horário de verão ou não =) Adoraria se eu pudesse chegar às 07:00 e sair às 17:00! Tenho colegas que adorariam poder chegar 09:00 e sair às 19:00.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: