Como é ser ex-fumante

radiografia de pessoa fumandoComo é ser ex-fumante? Para quem nunca fumou saber como é… e para quem fuma e nunca conseguiu parar saber como será, se parar.

Eu fumei dos 15 aos 41 anos, sempre na média de um maço por dia. Foram 26 anos bem fumados! A namorada não reclamava… Ok, reclamava só um pouquinho.

Parar de fumar foi uma moleza… foi assim: um belo dia peguei uma gripe, fiquei de cama com uma tosse muito forte, não conseguia sequer colocar um cigarro na boca, e assim, até melhorar, fui obrigado a ficar uma semana sem fumar. Para entreter a boca chupava balinhas, muitas balinhas. Quando melhorei… foi só continuar sem fumar.

Após 6 anos sem fumar já posso fazer um balanço dos períodos com e sem cigarro: engordei 12 quilos e agora vivo chupando balinhas. Não que eu esteja gordo agora, antes é que eu era muito magrelo mesmo. Não percebi nenhum benefício, mas descobri uma coisa interessante, essa história de dependência química e dependência psicológica é tudo besteira, a gente fuma porque é gostoso. É uma delícia fumar!

Simidão - Cada vez que você fuma, deus mata um gatinhoHoje, a fumaça de outros fumantes não me incomoda, apenas sinto saudades. Quando vejo um pacote de cigarros da marca que eu fumava na prateleira de um supermercado, vermelhinho e branquinho, ali olhando prá mim com aquelas letras pretas… ah que vontade de comprar! Gosto de pegar cigarros do maço de um fumante só para sentir o cheiro! Às vezes sonho que estou fumando e no sonho penso “xii… não consegui resistir, minha namorada vai me dar uma bronca!”

Dizem que fumar faz mal, eu acredito. As pesquisas dizem que quem fuma tem 6 vezes (ou coisa parecida) mais chances de desenvolver câncer de pulmão do que quem não fuma. Mas nunca nos informam qual a probabilidade de alguém que não fuma contrair câncer de pulmão, para que possamos calcular a probabilidade de ficarmos doentes. Já fiz uma estimativa e descobri que o argumento não convence muito. Mas existem outros malefícios, é verdade, principalmente ao sistema circulatório.

Descobri também outra coisa interessante, os não-fumantes radicais ainda me irritam. Seria de se esperar que, ao parar de fumar, sua ladainha anti-fumo não me afetasse mais, mas não, ainda fico irritado com a militância fundamentalista dos chatos de plantão, não-fumantes, médicos, pesquisadores, jornalistas, psicólogos, nutricionistas, politicamente corretos em geral… Mas que coisa! Deixem os fumantes em paz! Contanto que fumem sozinhos sem poluir o ambiente dos outros, têm todo o direito de se encher de fumaça; são maiores de idade e sabem o que fazem. Vão cuidar das suas vidas! Pentelhos! Ufa… que ninguém me critique, aqui não tem nenhum argumento lógico, foi apenas um desabafo.

É bom lembrar também que respirar o ar poluído das cidades equivale a fumar uns 2 cigarros por dia e, portanto, somos todos fumantes.

Talvez tenha algum fundamentalista lendo isto, com coceira na língua para me criticar. Antes de me criticarem lembrem-se de que já passei pelos três estágios: já fui não-fumante, fumante e ex-fumante. Só podem me criticar os que têm mais experiência que eu!

O objetivo deste texto não foi tentar convencer ninguém a fumar, nem de tentar convencer ninguém a deixar de fumar, e nem de tentar convencer não-fumantes a pararem de encher o saco dos fumantes, não, foi apenas a apresentação de um balanço, uma experiência.

Sem dúvida nenhuma, quem nunca fumou nem deveria começar – esse é meu conselho aos não-fumantes. Quanto a mim, um dia, quando eu achar que já estou na reta final da vida, pretendo voltar a fumar, já que não terei mais nada a perder. Apenas porque é gostoso. É uma delícia!





Qualquer eventual anúncio publicitário que apareça nesta página terá sido colocado pelo WordPress e não por mim. Eu não indico ou recomendo qualquer produto, serviço ou site pago.





27 respostas para Como é ser ex-fumante

  1. Tyrannosaurus disse:

    Olá, Paulo

    O blog que você indicou é patrocinado por um produto farmacêutico, por isso, infelizmente, tive de retirar o link, já que este blog tem como política não postar links para sites comerciais ou fazer propaganda para qualquer produto, pois isso afetaria a confiança de meus leitores na minha imparcialidade.
    Conto com sua compreensão.

    Obrigado pela participação
    abraços

  2. everaldo disse:

    Caro ex-fumante, eu estou passando pelos primeiros 3 meses sem cigarro, e estou descobrindo que há vida sem cigarro.
    Compartilho de sua ideia de que cada um sabe o momento certo de parar ou continuar fumando….
    Eu parei por um bom motivo, minha namorada não fuma e não gosta de cigarro desde quando começamos a namorar eu resolvi parar de fumar.
    Descobri algumas vantagens
    estou me dando melhor na cama…
    sinto mais os sabores dos alimentos…
    estou tendo mais folego…
    são custos beneficios que valem a pena..

  3. Bob disse:

    Estou a 8 dias sem fumar. O cigarro que fumo já está custando 6,25. Confesso que foi um dos motivos aliados ao bem estar. Me mantenho firme.

  4. Denis disse:

    Nunca fumei e nunca fumaria por diversos motivos… mas confesso que o principal deles é que dá muito trabalho administrar todo este fumace, rs. É dinheiro, é saúde, são proibições de tudo que é lado. No final da minha vida também não o faria! Certamente trocaria o vício por façanhas bem perigosas (!?), rs, que hoje com a vida toda pela frente e gozando de muita saúde não tenho coragem de fazer! Fica a dica.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: